Informações Importantes, Orlando, Planejamento

Regras para o uso da cadeirinha e do cinto de segurança em Orlando

Olá Disney lovers e viajantes, tudo bom? Uma das dúvidas mais frequentes de quem está planejando uma viagem para Orlando com crianças e pretende alugar um carro é quanto ao uso da cadeirinha. É obrigatório? Até que idade precisa da cadeirinha? E o cinto de segurança é obrigatório? Quem precisa usar? No post de hoje eu vou te contar tudo o que você precisa saber sobre as regras para o uso da cadeirinha e do cinto de segurança em Orlando.

Regras para o uso da cadeirinha e do cinto de segurança em Orlando

O uso da cadeirinha infantil de carro, ou car seat que é como é chamado em inglês, é uma dúvida que sempre surge nos grupos de debate sobre Orlando, principalmente quando a criança já é um pouquinho mais velha, que já não é mais bebê.

Outra dúvida frequente é sobre o uso do cinto de segurança. Se ele é obrigatório para todos os que estão no carro, ou se é só para o motorista, ou só para quem está no banco da frente…

O que diz a lei

Mas o que diz a lei na Flórida? Lembrando que cada estado americano tem autonomia para fazer suas próprias leis, então, o que vou abordar aqui hoje é referente ao estado da Flórida, que é onde fica as cidades de Orlando e Miami. Se você está indo para um outro lugar, essa lei pode ser diferente. Confira a lei do estado da Flórida aqui.

Cinto de segurança

Em relação ao uso do cinto de segurança, é obrigatório o uso por todos que estejam sentados no banco da frente, ou seja o motorista e a pessoa sentada no assento do passageiro e para todos os menores de 18 anos que estiverem sentados no banco de trás, usando ou não cadeirinha ou booster. 

Foto: Internet

Cadeirinhas de carro (car seat)

A lei da Flórida exige que todas as crianças menores de 5 anos que estejam sendo transportadas em um carro usem um dispositivo de retenção para crianças testado e aprovado pelo governo federal, da seguinte forma:

  • Crianças de 0 a 3 anos devem estar em uma cadeirinha “child seat” em inglês,  com base separada ou com assento infantil integrado do fabricante do veículo. Alguns modelos de carro nos EUA vem com esse assento infantil integrado.
  • Crianças de 4 e 5 anos devem estar em um assento separado, podendo ser um uma cadeirinha“child seat”  com base integrada ou assento de elevação “booster seat”.

Tipos de cadeirinha

Para quem não está muito familiarizado com os modelos de cadeirinha, existem 3 tipos de dispositivos de retenção:

  • Cadeirinha para bebês menores, que fica presa no carro de costas para o motorista
  • Cadeirinha em que a criança já fica voltada para frente do carro e que a criança pode ficar presa pelo cinto da cadeirinha ou do próprio carro
  • Assentos de elevação, que são os boosters, que como o nome sugerem elevam a criança para que o cinto de segurança fique na posição correta.
Foto: Internet

A lei na Flórida não determina uma idade em que os pais devem fazer essa troca de tipos de cadeirinha. Então, deve-se observar a recomendação do fabricante que determina o peso e a altura da criança para cada tipo de cadeirinha.

Aliás, isso é uma falha na lei e motivo de crítica por muitos especialistas. A lei determina uma idade máxima para o uso da cadeirinha (5 anos), quando na verdade essa determinação deveria ser de acordo com altura e peso, já que muitas crianças de 6 anos, que é quando a criança não precisa mais usar nenhum dispositivo no carro, não têm altura suficiente para usar o cinto do carro de forma segura. Essa altura, segundo os especialistas é de pelo menos 1, 45 que a criança atinge, de uma forma geral, por volta dos 11/12 anos.

Dessa forma, cabe aos pais e responsáveis terem discernimento e manter, a cadeirinha ou o booster até que sua criança tenha uma altura segura para usar o cinto. No caso de um acidente e o cinto não estar posicionado de forma adequada, a criança pode sofrer lesões muito sérias. Só reafirmando, se ela não estiver usando o cinto também, ok? Não use isso como desculpa!

Crianças no banco da frente

No estado da Flórida, as crianças só podem sentar no banco do passageiro a partir dos 12 anos de idade.

5 step test

Os pediatras e especialistas em segurança recomendam fazer um teste para saber se a criança já está em condições de andar no carro sem nenhum dispositivo como a cadeirinha e o booster. O teste, chamado de 5 step test, alguma coisa como teste de 5 etapas, deve ser feito da seguinte forma.

Coloque a criança sentada no banco traseiro e afivele o cinte de segurança e observe:

  1. Toda a superfície das costas da criança toca o encosto do banco?
  2. A perna da criança está posicionada de maneira que o joelho encaixe na divisão do assento?
  3. A parte superior do cinto está localizada entre o ombro e o pescoço da criança? Ela não pode estar encostando no pescoço.
  4. A parte inferior do cinto está no quadril, logo acima das coxas? Ela não pode estar localizada no abdômen.
  5. A criança consegue permanecer nessa posição durante todo o período que ela estiver no carro? 

Se houver uma resposta negativa para algum dos itens acima, a criança deve continuar usando, pelo menos o booster.

Alugar a cadeirinha ou comprar uma por lá?

Se você pretende trocar a cadeirinha da sua criança, sem sombra de dúvida, vale a pena comprar uma por lá. Até porque, o aluguel da cadeirinha sai de 10 a 15 dólares mais as taxas. Então, fazendo uma conta rápida, se sua viagem durar 10 dias, você vai gastar de US$ 100 a US$ 200,00 no aluguel da cadeirinha. com esse valor você compra um excelente modelo no Walmart. Na verdade, você encontra modelos de marcas conhecidas por menos de US$100,00. Confiram os preços no site do Walmart.

Caso você decida comprar a cadeirinha ou o booster por lá, não saia do aeroporto sem alugar uma cadeirinha por pelo menos 1 dia. Você vai estar colocando a segurança da criança em risco, além de estar infringindo a lei. E, lembre-se: Lá não rola o jeitinho brasileiro. Não tem “mas seu guarda, é rapidinho… Já estamos parando no Walmart para comprar a cadeirinha!”. Se você for parado, você vai receber uma multa e o perrengue já vai começar logo no começo da viagem! 

Então, alugue a cadeirinha por dia, passe em um Walmart da vida, compre o modelo que você quiser e devolva o assento na locadora. 

Outra opção é levar a sua cadeirinha ou booster na viagem e usar por lá. Você pode despachar a cadeirinha, caso ela seja grande. Muitas companhias não consideram esse item com o um volume. Confira com a companhia que você comprou a passagem.


Já segue o blog nas Redes Sociais?



A cadeirinha é obrigatória no Uber e táxi?

A lei da cadeirinha na Florida diz que as únicas situações em que uma criança pode andar sem cadeirinha, é no caso de alguma emergência médica ou no caso do motorista não ter vínculo familiar e não cobrar pelo transporte, o que entendo ser uma carona dada por alguma pessoa amiga.

Isso quer dizer que caso você decida não alugar carro e só ande de Uber, você vai precisar da cadeirinha também… Algumas categorias do Uber oferecem cadeirinha, mas são muito poucos. E nestas categorias de Uber, é fornecida somente 1 car Seat. Ou seja, se você tiver mais de um filho que precise de cadeirinha, ou vai ter que pedir 2 carros ou não vai rolar… … E, segundo a lei da Flórida, é de responsabilidade dos responsáveis, e não do motorista do Uber ou táxi, fornecer a cadeirinha. Ou seja, ou você vai ficar esperando um Uber que tenha cadeirinha, ou vai ter que levar sua cadeirinha para cima e para baixo.

Não espere que o motorista quebre o seu galho e leve a criança sem cadeirinha. Como isso é contra a lei, vai ser difícil você arranjar um motorista que aceite levar a criança sem o dispositivo. Fora que isso não é seguro! Lembre-se que mesmo que a criança não use a cadeirinha ela vai precisar estar de cinto. Ou seja, é um perigo de qualquer maneira para a criança, já que ela não vai estar de cadeirinha e nem vai ter altura para usar o cinto de maneira segura. Segurança sempre em primeiro lugar! 

Foto: https://tripswithtykes.com/uber-car-seat-orlando/

Regras para o uso da cadeirinha e do cinto de segurança em Orlando – minha opinião

Essas foram as regras para o uso da cadeirinha de carro e uso do cinto de segurança no estado da Flórida. Espero que o post tenha tirado a sua dúvida, mas se ainda ficou alguma, pode deixar aí nos comentários.

Gostaria de aproveitar o post e deixar minha opinião. Independentemente de qualquer que seja a legislação sobre esse dois itens, eu sou defensora ferrenha do uso da cadeirinha e quando a criança é maior um pouquinho, do booster, e do cinto de segurança para todos os ocupantes do carro. 

E eu aplico o que prego. Aqui em casa, minha filha sempre usou a cadeirinha e nós usamos cinto de segurança, mesmo sentando no banco de trás, inclusive quando pegamos táxi ou uber.

Então, tenha em mente que essas medidas são uma garantia de segurança para quem está no carro. Inclusive, para os adultos. Pode ser chato, pode ser incômodo, mas salva vidas!


Viaje Conectado!

Finalmente as fronteiras estão abertas! Está pensando em viajar para os EUA? Então, não esqueça do chip do celular. Hoje em dia, viajar conectado é muito importante! Compre seu chip aqui


Finalmente as fronteiras estão abertas! Está pensando em viajar para os EUA? Então, não esqueça do chip do celular. Hoje em dia, viajar conectado é muito importante! Compre seu chip aqui


Está planejando uma viagem para Orlando? Então confira esses posts:

Disney Park Pass: Como reservar a visita aos parques da Disney

Disney anunciou o fim do Fast Pass gratuito e início do novo sistema Disney Genie

Um beijo, até o próximo e tchau!

(1) Comentário

  1. […] também, se você está viajando com criança ou crianças que precisam de car seat (confira neste post as regras para o uso da cadeirinha nos EUA), a quantidade de malas que você possui (principalmente […]

Alguma dúvida? Elogio? Deixe seu comentário!