Disney, Orlando, Outros parques, Universal

O que levar na mochila para os parques

Olá viajantes! Tudo bom com vocês? Hoje vou contar o que levar na mochila para os parques. Preparados?

Mochila ou bolsa?

Bom, levamos nossas tralhas e afins em mochilas. Eu levo uma e meu marido outra. Existem várias opções de bolsas para levar para os parques. Mochilas, bolsas tipo “tote” (são aquelas bolsa tipo saco, sem fecho), bolsas transversais, pochetes (ok! Eu sei que pochetes são anos 90s demais, mas acreditem, elas voltaram à moda!). Tudo vai depender do tamanho da sua família, se você tem filhos ou não,  a idade deles, quanto tempo vai ficar no parque, ou seja, depende da sua necessidade e personalidade.

De uma maneira geral, levo muita coisa na bolsa mesmo no meu dia a dia. No parque não poderia ser diferente… Digamos que sou precavida… Tá bom! Pode me chamar de exagerada! Mas, prefiro pecar pelo excesso.

Aí você pode me perguntar, por que duas mochilas? Não é melhor levar tudo em uma só um pouquinho maior? Bom, aqui entra a primeira observação. Independente do tipo de bolsa que você vai escolher, ela não pode ser muito grande. Explico o porquê logo abaixo.

Onde deixar a mochila?

Cada parque tem sua regra, por exemplo, os parques da Disney permitem que você leve a mochila nas rides. Logo, se você levar uma muito grande, não vai conseguir colocá-la no carrinho.

Quando estamos levando a mochila com a gente no carrinho, por segurança, gosto de passar a alça na perna, para evitar qualquer queda acidental. Não se esqueça de fechar o zíper e guardar óculos, bones e orelhas.

O que fazer com a mochila? Locker, levar com você ou deixar com alguém?

O Soarin, em Epcot, tem uma espécie de rede embaixo do assento. Caso sua mochila não caiba ali, você pode deixar em um cantinho ao lado. Peça orientação ao cast member.

Nos parques da Universal e Sea World, a grande maioria das atrações não permitem levar a bolsa/mochila. Então, ou você deixa com alguém que não vai no brinquedo (o amigo da vez rsrsrs) ou deixa em armários (lockers) normalmente localizados ao lado da atração. Esses lockers são gratuitos por um determinado tempo. A partir disso é cobrado um aluguel. A questão é que esses armários são pequenos. E foi justamente por não conseguir enfiar a mochila dentro do armário por nada nesse mundo, em uma determinada ocasião, que resolvemos levar duas mochilas. Assim dividimos o conteúdo e a mochila fica mais “magrinha”. Fora que divide um pouco o peso e o marido agradece!

Em alguma atrações de água, como o do Popeye em Island ou o Kali River Rapids no Animal Kingdom, existem um compartimento no meio da “bóia” que sentamos, que serve para guardar os pertences. O que acontece, é que esse compartimento está frequentemente molhado, pois nem todo mundo fecha direito a cobertura. Então se puder deixar a mochila com alguém que não vá, melhor. Senão, sugiro, enrolar a mochila em um poncho, antes de colocá-la neste compartimento.

Caso não queiram deixar no locker, façam um revezamento de quem vai na atração.

Locker da atração Harry Potter and the Forbidden Journey. No maenor não cabe uma mochila grande.

O que levamos nas mochilas

– muda de roupa extra, pelo menos uma camiseta para cada. Quando nossa filha era menor, levávamos uma muda de roupa completa para ela, inclusive calcinha e meia (isso é bom principalmente se for a algum parque com brinquedos que molham muito como o Island of Adventure. Muita gente leva biquíni para usar por baixo da roupa)

– chinelos (mais uma vez no caso de irmos a um parque com brinquedos que molham muito. Sempre vamos aos parques de tênis, então para não molhá-los e ficar com o pé encharcado, trocamos pelo chinelo). Geralmente, não é permitido ir descalço nos brinquedos.

– protetor solar

– balm labial

– lenços umedecidos

– álcool gel

– remédios básicos – analgésicos/antitérmicos, remédio de nariz, band-aid e colírio (o ar condicionado resseca muito meus olhos)

– saquinhos tipo zip lock (encontra facilmente no Walmart e Target) para colocar documentos e coisas que não podem molhar como celular

– poncho (capa de chuva vendida nos parques e nos mercados). Os ponchos além de servirem para o óbvio, proteger da chuva, servem para os brinquedos “molherentos” (como dizia minha filha quando pequenininha) se você não quer se molhar muito. Não se iluda! Algumas rides,mesmo com o poncho, molha!

Não se esqueçam também

– casaco (mesmo que esteja muito calor, vale a pena levar um casaquinho… o ar condicionado das atrações é muito gelado!) #CoisaDeVó

– caderno de autógrafo e caneta

– máquina fotográfica (se forem do tipo de preferem máquina ao celular)

– snacks

Os snacks merecem um parágrafo a parte. Gostamos sempre de levar coisinhas para beliscar ao longo do dia. É uma boa forma de economizar, além de poder comer coisas mais saudáveis. Mas não levamos só coisas saudáveis.. rsrsrsrs

Farei um post depois contando o que levamos de lanche para os parques.

Levamos também água, já que a água do bebedouro tem um gosto bem esquisitinho…

Bom viajantes, isso é o que levamos nas mochilas para os parques de uma maneira em geral. Claro que você não precisa levar isso tudo! Muita gente vai só com uma bolsinha ou pochete (hahaha os 90s estão de volta!). Mas como disse sou precavida, ou exagerada, como preferirem. Acabamos levando mais coisa porque ficamos no parque da hora que abre a hora que fecha.

A mochila que levo é relativamente pequena, a do marido é bem maior

E vocês, o que costumam levar para os parques?

Beijos e até o próximo!

Please follow and like us:
error

(3) Comments

  1. Amei o artigo, obrigado pelas dicas.

    1. Oi Daniele! Que bom que gostou!
      Beijos!

  2. […] contei em um outro post o que levo nas mochilas no quesito, primeiras necessidades. Já foram lá […]

Alguma dúvida? Elogio? Deixe seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: