Nova York – Dica de passeio: Tour da ONU

Por - Categoria: Atrações, EUA, Nova York

Olá queridos viajantes!

Quando eu fui pela primeira vez a Nova York, em 2011, fiquei duas semanas por lá, então deu tempo de fazer alguns passeios que normalmente ficam de fora do roteiro de quem tem menos tempo na cidade. E um deles foi a Visita Guiada à Sede das Nações Unidas, a ONU. Esse tour não é tão divulgado ou comentado, mas ó, eu adorei. Acho que vale muito a pena!

Monumento em frente à Sede da ONU, em Nova York

Monumento em frente à Sede da ONU, em Nova York

A Organização das Nações Unidas, a ONU, foi fundada após a Segunda Guerra Mundial (em 1945) e tem por objetivos a manutenção da paz e segurança internacionais, o desenvolvimento das relações amistosas entre os países, além da promoção de melhores condições de vida e a defesa dos direitos humanos.

Sua sede está localizada em Nova York, e quando fazemos o tour podemos conhecer algumas das suas principais salas, como a da Assembleia Geral (o principal órgão de deliberação) e a do Conselho de Segurança, além de ouvir um pouco como são tratadas questões tão importantes como o desarmamento ou o auxílio ao desenvolvimento social.

Os tours acontecem de segunda a sexta das 9h15 às 16h15, custam US$18 por pessoa e têm duração aproximada de 1 hora. Até tem a opção de tours em português, mas não todos os dias (para saber se terá visita em português enquanto você estiver por lá, clique aqui). Nos fins de semana o Centro de Visitantes fica aberto das 10h às 16h30, porém não há a opção de fazer a visita guiada; também não tem tour quando acontecem reuniões de Chefes de Estado ou delegações, por isso tem que ver o calendário direitinho quando estiver planejando sua visita.

Sala da Assembleia Geral da ONU, o principal órgão deliberativo das Nações Unidas

Sala da Assembleia Geral da ONU, o principal órgão deliberativo das Nações Unidas

No site há a informação de que os ingressos para as visitas guiadas devem ser adquiridos com antecedência e que não serão vendidos nas instalações da ONU. Quando eu fui, pude comprar o ticket lá na hora, mas não aceitavam cartão de crédito, apenas dinheiro… não sei se mudou mesmo, em todo o caso é melhor comprar pela internet com antecedência, aqui.

Agora eu vou contar um pouquinho como foi a minha experiência, quem sabe vocês não se animam?

No dia que eu fui não havia tours em português, então optei por comprar em inglês mesmo… eu entendo bem e falo mais ou menos, mas não sou fluente, por isso fiquei com medo de não entender direito, de perder muita coisa… Pra nossa sorte, pegamos uma guia austríaca muito fofa, que falava relativamente devagar e sem sotaque carregado, com uma pronúncia “limpinha”. Foi super fácil de entender e não perdi quase nada de informação, oba!!!

Quando entramos, visitamos algumas salas importantes como a da Assembleia Geral e a do Conselho de Segurança, que tanto vemos na TV. Visitamos também salas onde estão expostas algumas peças do acervo das Nações Unidas, enquanto a guia nos passa alguns dados estarrecedores: não é fácil, por exemplo, ouvir que uma criança no mundo morre de fome a cada 6 segundos; ou então que se os países usassem uma porcentagem mínima do dinheiro gasto com guerra e armamentos (já que para isso são despendidos, por ano, trilhões de dólares) NINGUÉM mais no mundo passaria fome… tudo isso dá um nó na garganta.

Sala do Conselho de Segurança da ONU

Sala do Conselho de Segurança da ONU

Sabem, fiquei me sentindo uma pessoa péssima, egoísta, que não faz praticamente nada pelo próximo, que se preocupa em comprar bolsa enquanto milhões de crianças morrem de fome por ano na África. Enfim, aquilo foi meio um tapa na minha cara.

Por fim, uma das coisas que ouvi lá e gostaria de compartilhar aqui é sobre um programa de doação de comida à população que vive na miséria, que se chama algo como “Encha a caneca”. É assim: a ONU distribui uma caneca de grãos por dia a crianças nas escolas (grãos como arroz, feijão por exemplo), sendo que essa caneca de comida custa apenas 25 cents, ou seja, com 1 dólar dá pra alimentar 4 crianças por dia! Com isso, eles conseguem atuar em duas frentes distintas (comida e educação), já que tem muitas famílias que aceitam mandar seus filhos à escola somente para que possam ter o que comer e não morram de fome. Com esse programa, então, ao mesmo tempo em que você alimenta as crianças e diminui a mortalidade infantil, dá a elas o incentivo e a possibilidade de estudarem. Não fosse isso, provavelmente muitos pais não deixariam que seus filhos fossem à escola para que pudessem trabalhar e ajudar no orçamento familiar.

Mas o melhor é que nós podemos ajudar esse programa sem gastar nada! Funciona assim: existe uma espécie de “jogo” na internet em que nós ajudamos a encher as canecas de arroz… Basta entrarmos no site Free Rice e respondermos as questões que aparecem. A cada resposta correta, 10 grãos de arroz são adicionados à caneca “virtual”, isso porque a ONU tem parceria com empresas que doam esse dinheiro cada vez que acertamos uma resposta, e em troca elas fazem propaganda. Eu não conhecia esse site, por isso achei que valia divulgar aqui. Vamo entrar no Free Rice, povo! E vamo divulgar tb! :)

Como deu pra perceber, eu adorei esse passeio e, sinceramente, penso até em repetir em alguma próxima viagem. E você, já fez o tour? Gostou?

Informações Práticas

Endereço: 1ª Avenida na altura da Rua 47

Visita guiada à Sede das Nações Unidas http://visit.un.org/content/guided-tours

Horário: Segunda a Sexta, das 9h15 às 16h15 (não há tours guiados aos fins de semana)

Valor: Adultos – $18; Idosos (acima de 60 anos) – $11; Estudantes – $11; Crianças (5 a 12 anos) – $9.

Comments

comments